5 Mentiras Sobre Doenças Mentais (Que Você Acredita Porque Viu na TV)

Oi, sumida!

Quantas vezes vimos filmes ou séries com personagens com as mais diversas doenças mentais, todos pirando loucamente por causa disso? Inúmeras. Quantas vezes vemos filmes ou séries que retratam com exatidão alguma doença e/ou a vida de quem sofre dela? Eh… Talvez nunca. E, assim, vamos pra nossa lista!

5. Quem Tem a Síndrome de Tourette Só Xinga

5 Mentiras Sobre Doenças Mentais (Que Você Acredita Porque Viu na TV)

Hollywood sendo Hollywood.




É fácil notar quem tem Tourette nos filmes. Basta você esperar aquele momento importante e tenso, tipo um funeral, um casamento ou até mesmo um julgamento, é aí que o personagem aparece. E aparece xingando. Muito.

Porém, apesar desse cliché Hollywoodiano ficar gravado na nossa mente, somente 10% das pessoas que tem essa síndrome tem essa característica. O mais comum é piscar muito, ficar pigarreando, entre outros tiques nervosos que ─ surpresa ─ acabam sumindo com o tempo.

Confira também

4. Depressão Pós-Parto Te Transforma Numa Psicopata Que Odeia Bebês

5 Mentiras Sobre Doenças Mentais (Que Você Acredita Porque Viu na TV)

Nos filmes e series mundo afora, quando uma mãe sofre de depressão pós-parto, ela fica violenta, negligente e, bem, louca no geral. Na série Jane The Virgin, a irmã de Jane abandona gêmeos porque ela não consegue “se sentir ligada” a eles. Temos também o exemplo em Girls, que a mãe sente uma vontade de machucar sua filha, então ela resolve fugir e largar a bebê na mão dos irmãos.

Na verdade, depressão pós-parto faz as mães se preocuparem muito com os filhos recém-nascidos e por mais que elas tenham um ou outro pensamento ruim, que envolve se machucar ou machucar o bebê, é muito difícil isso virar uma realidade. Aí, já não seria depressão e, sim, psicose pós-parto, que quase nunca afeta as novas mamães.

3. Pessoas Com Doenças Mentais São Criminosos

5 Mentiras Sobre Doenças Mentais (Que Você Acredita Porque Viu na TV)

O outro Coringa não existe pra mim, nem vem.

Querem exemplos? Hmm, por onde começar? Ah, é, o Coringa, a Arlequina, o Duas-Caras, o Pinguim, o Espantalho e, sério, a lista é enorme. Se tem uma coisa que aprendemos dos filmes (e olha que só citei alguns vilões do Batman) é que doença mental = criminoso assassino psicopata insano, escondam as crianças.

Na verdade, no mundo real, pessoas que sofrem de alguma doença mental tem mais chances de serem vítimas de um crime do que cometer um. A maioria esmagadora dos criminosos não tem problemas mentais, mas isso não impede Hollywood de utilizar a doença mental como desculpa para fazer vilões com inúmeros problemas mentais. Adivinha quem se dá mal? Quem sofre de alguma doença mental e não tem coragem de buscar tratamento porque não quer ser o “louco” ou o “vilão”. Parabéns, Hollywood e todos os outros envolvidos.

2. Não Tome Remédios! Eles Destroem a Sua Personalidade!

5 Mentiras Sobre Doenças Mentais (Que Você Acredita Porque Viu na TV)

Se uma doença mental não é o que faz o personagem ser um vilão, então, será o superpoder dele ─ assim funciona Hollywood. Quer um exemplo? Monk. Além de mostrar uma visão totalmente errônea do Transtorno Obsessivo-Compulsivo, a série incentiva a quem sofre dessa doença a não tomar remédio.

Em um episódio, Monk começa a tomar os remédios que precisa, mas se torna tão incompetente como investigador, que ele desiste de continuar tomando. Acontece que tomar remédio é uma parte essencial do tratamento de qualquer doença mental, e ─ adivinha ─ sua saúde mental não melhora, pelo contrário, piora mais, se você para de tomar o remédio.

1 Dupla Personalidade = Duas Pessoas

5 Mentiras Sobre Doenças Mentais (Que Você Acredita Porque Viu na TV)

Se fosse pra ser preciso, eu não existiria (mesmo), nem o filme, nem o livro. Chupa essa manga.

Normalmente vemos personagens com dupla personalidade como se fossem duas pessoas completas em uma, tipo o famoso Tyler Durden versus o Narrador em Clube da Luta. Esses dois personagens em um costumam brigar ou ter alguma epifania muito louca nos filmes e o mais malvado dos dois some. Que lindo. Que bela lição de moral. E que grande, gigantesca mentira.

Em primeiro lugar, o Transtorno Dissociativo de Personalidade não se trata de várias pessoas dentro de uma, e sim da fragmentação de uma personalidade.  Na realidade, pessoas que sofrem desse transtorno não tem várias personalidades, pelo contrário, eles têm pedaços da identidade deles ou de identidades diferentes, mas todos esses pedaços juntos não correspondem a uma personalidade inteira.

Então, da próxima vez que você assistir um filme ou série sobre alguma doença mental (oi, 13 Reasons Why), faça uma pesquisa antes de acreditar que aquela é uma representação fidedigna da doença.

Fonte: Cracked

http://www.deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/05/durd9-1024x653.jpghttp://www.deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/05/durd9-150x150.jpgGaby NunesCuriosidadesFilmes e Seriados
Quantas vezes vimos filmes ou séries com personagens com as mais diversas doenças mentais, todos pirando loucamente por causa disso? Inúmeras. Quantas vezes vemos filmes ou séries que retratam com exatidão alguma doença e/ou a vida de quem sofre dela? Eh... Talvez nunca. E, assim, vamos pra nossa lista! 5....