7

A Lenda: Rolls Gracie

Rolls Gracie

” Há uma era antes, e outra depois de Rolls” – Royce Gracie, primeiro campeão do UFC.


Afinal quem foi o Gracie que morreu jovem, e até hoje é considerado por muitos o mito do Jiu Jitsu moderno junto com Rickson Gracie ?

Considerado o pai do jiu jitsu moderno, Rolls Gracie, influenciou toda sua geração e as gerações futuras de praticantes de Jiu Jitsu (Brazilian Jiu Jitsu ou Gracie Jiu Jitsu), formou faixas preta como Rickson Gracie, Carlos Gracie Jr ( Fundador da equipe Gracie Barra), Royce Gracie ( primeiro campeão do UFC), Romero Cavalcante ( Fundador da equipe Alliance).

Filho do fundador do Jiu Jitsu Brasileiro, Carlos Gracie, e criado por seu tio Hélio Gracie, começou muito cedo sua carreira no mundo das lutas, ganhando todas as competições que haviam no seu tempo.

Foi também o primeiro Gracie a procurar participar ativamente de competições de Freestyle, Judô, Sambo, Wrestling.
Treinou Judô com Osvaldo Alves e depois a fim de melhorar sua postura durante a luta procurou o campeão de Wrestling americano Bob Anderson.

Sempre procurando ajudar o mundo da luta, Rolls tentou formar uma seleção olímpica de Wrestling para competir nos Jogos Olímpicos de Moscou, mas não conseguiu pela falta de organização e as dificuldades da burocracia. No Pan de 1980 levou uma equipe de sua academia para os jogos, e voltaram com a medalha de bronze.

Rolls Gracie

Pela sua visão de Jiu-Jitsu ser aberta a novas técnicas, ele enfrentou várias vezes com a visão tradicionalista de Helio Gracie o homem que o criou, mas que por sempre favorecer seus filhos, acabou afastando Rolls. Ele acabou saindo da equipe e da casa de Helio e se juntou ao seu irmão mais velho Carlson Gracie.

Depois de alguns anos com o Carlson Gracie, ele sentiu a necessidade de se expandir, após conversa com seu irmão saiu da academia de Carlson em Copacabana e fundou sua própria na Rua Figueiredo Magalhães, onde teve como assistente seu irmão mais novo, Carlinhos Gracie.

Morreu de forma trágica, em um acidente de parapente aos 31 anos, deixando dois filhos, esposa, e uma legião de fãs que só aumentam com o passar do tempo.

Familia Gracie




Nesse video veja um pouco do que foi Rolls Gracie como lutador.

Brian

7 Comments

  1. GOSTARIA DE TER UNS DOSGRANDES VEDEOS DO ROLL GRACIE EM CAMPEONATO UFC.

    COMO PODEREI !!

  2. todos que treinam chao, ja ouviram falar deste caro
    e realmente ele estava a frente do seu tempo!!

  3. Infelizmente, praticamente todos os grandes lutadores de artes marciais morre devido a um acidente que poderia ser facilmente evitado… Uma aspirina matou Bruce Lee!
    Felizmente, todos os grandes artistas marciais morrem velhinhos…
    Parece até uma forma de o “destino” avisar que o verdadeiro poder não está na força, nem na técnica nem na velocidade (e muito menos em vencer os outros), mas sim em buscar viver de modo tranquilo e em harmonia com as pessoas e o ambiente em que se vive.
    O verdadeiro guerreiro é aquele que vence a si mesmo.

  4. O mundo do jiujitsu brasileiro nunca mais será o mesmo depois de Ellen Gracie! Ela foi a primeira mulher a levar o jiujitsu para o Supremo Tribunal Federal, a mais alta corte do Judiciário no país!
    Parabéns, Ministra Ellen Gracie! Mais uma integrante da família Gracie a engrandecer o nosso Brasil!

  5. O mundo das artes marciais nunca mais foi o mesmo depois dos Gracie, sobretudo depois de Rolls. Nós que amamos esse esporte, sim, porque luta é um esporte e maravilhoso diga-se, podemos hoje ver o domínio dos nossos lutadores, brasileiros, com técnicas brasileiras de luta,nas competições mais badaladas e prestigiadas do mundo como o UFC e MMA. Ouvimos cheios de orgulho nomes como Dana White dizendo “da escola Gracie de Jiu Jitsu”.Isso não tem preço, é sensacional!
    Parabéns pelo texto e parabéns ao Gracie por terem feito nosso país ser respeitado, reconhecido e admirado no mundo das artes marciais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *