Com os financiamentos coletivos e as pequenas editoras, o mercado de quadrinhos brasileiros independentes vem crescendo a passos largos. Sempre tentei apoiar o quadrinho nacional, mas sendo sincero só comecei a ler mais coisas nacionais quando conheci o Social Comics, também conhecido como o Netflix dos quadrinhos. Pensando em ajuda vocês, decidi sugerir algumas HQs que talvez você não conheça, mas que estão disponíveis no site e que você precisa conhecer.

Tentei reunir HQs com temáticas diversas como humor, ação e terror para garantir que pelo menos uma delas possa atrair a sua atenção. Aqui não indiquei lançamentos que não estejam disponíveis no acervo do site, porque quero que você tenha o contato inicial com essas obras por um preço tão baixo que não vai fazer sentido recorrer a pirataria.

Obviamente esse conteúdo não tenta ser um guia completo de HQs brasileiras independentes (até porque seria impossível fazer isso sem escrever uma enciclopédia), quero apenas fazer algumas recomendações pessoais para saber por onde começar e talvez para ficar mais atento nas próximas convenções de quadrinhos que você visitar.

Confira também

Beginning of a Great Adventure – Mário César

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

“Beginning of a Great Adventure” é uma continuação da história “A Walk on the Wild Side”, presente na EntreQuadros, do autor Mário César. Na noite de natal, um pai cumpre a promessa e vai visitar seu filho. De presente, um aparelho eletrônico com muitos arquivos de música, “velharias” como o filho diz. Entre elas, uma canção de Lou Reed, “Beginning of a great adventure”, que os dois ouvem juntos.

D 20 – Laerte Silvino

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Esse HQ conta a história de um cara normal como eu ou você que cai em um mundo mágico e que se torna o Guardião do D20. Um dado de 20 lados que dependendo do seu resultado pode fazer, ou não, as ações mais heroicas ou desastrosas possíveis. O mais legal dessa HQ é que os resultados do D20 são rodados verdadeiramente pelo autor Laerte Silvino, ou seja, o roteiro pode ter as reviravoltas mais imprevisíveis como numa mesa de RPG.

Apagão – Rafael Fernandes

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Quando a luz acaba, a única coisa que resta é a lei do mais forte! Cidade Sem Lei/Luz é o primeiro álbum de um universo de histórias que envolve RPG, quadrinhos, música e muito mais. Tendo começado como um projeto de financiamento coletivo, teve sua primeira publicação no gibi Apagão Extra: Ligação Direta. O roteiro cheio de subversão e referências à cultura pop é de Raphael Fernandes e a arte ágil e realista é de Camaleão (MAD). Junte-se aos Macacos Urbanos e explore sem medo essa terrível cidade sem lei e sem luz.

Cortabundas – O maníaco do Jose Walter – Ricardo Jorge

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Jornalismo em quadrinhos ainda é algo incomum no Brasil. Basta lembrar que quando do lançamento de Palestina, do autor Joe Sacco, por aqui, foram necessárias cinco páginas de prefácio para explicar que isso era possível. Esse quadrinho trata de um caso que ficou conhecido como “o Cortabundas do Zé Wálter”. Esse foi meu primeiro contato com jornalismo em quadrinhos feito no Brasil e posso dizer que não poderia ter começado melhor. O autor Ricardo jorge consegue fazer uma mistura deliciosa de humor, suspense, drama e jornalismo para contar essa história.

Desengano – Camilo Solano

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Poderia escreve alguma coisa sobre essa HQ, mas acho que o prefacio escrito por ROBERT CRUMB onde ele elogia Camilo Solano e diz que desengano é um quadrinho muito bom já deveria ser suficiente para você ler. “Desengano” é uma sutil e cômica história de amor e carnaval onde pela primeira vez o autor trabalha uma trama com personagens fictícios, inteiramente escrita, desenhada e colorizada por ele.

O doutrinador e O doutrinador: Dark Web – Luciano Cunha e Marcelo Yuka

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Essa parceria entre Luciano Cunha e o músico e ativista Marcelo Yuka, principal letrista de O Rappa, trazem as aventuras do Doutrinador, um anti-herói que luta contra a corrupção brasileira, traficantes, mafiosos, políticos e muito mais para proteger a sociedade brasileira. Uma incrível história de ação para quem gosta do gênero!

Privilégios e Outras Histórias – Gus Morais

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Privilégios e Outras Histórias concentra 34 quadrinhos curtos, que passeiam por humor, drama e realismo fantástico. Na história que dá título ao livro, Gus Morais narra os últimos anos em que conviveu com a doença de seu pai. Nas demais, consumismo, trabalho, nostalgia e outras questões de nossa época aparecem dando o tom da vida cotidiana. Essa é uma das HQs que mais gostei de ter lido e nem digo das disponíveis no site, ela já é uma das minhas preferidas entre tudo que já li. Se você também tiver um coração vermelho, tenho certeza que vai achar esses quadrinhos incríveis.

Surubotron – Davi Calil

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Vou apenas jogar no ar a premissa dessa história: o que aconteceria se alguém inventasse uma máquina capaz de criar uma suruba com todos os habitantes da terra? Tenho certeza que você ficou no mínimo curioso para ler essa história de Davi Calil.

Carnaval de Meus Demônios

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

Uma história muda sobre demônios dos quais é impossível fugir. Todo mundo tem demônios com os quais precisa lidar, sejam problemas do dia a dia ou mesmo medo de abandonar a inocência e encarar a vida adulta. A HQ de Guilherme Petreca explora isso com metáforas visuais, mostrando um ciclo que se repete.

O Astronauta – Lourenço Mutarelli

Quadrinhos Brasileiros Independentes que você deveria conhecer

O Astronauta ou Livre Associação de um Homem no Espaço mistura as ideias e a escrita circular e obsessiva de Lourenço Mutarelli com o fotorrealismo fantástico das imagens de Fernando Saiki, Flavio Moraes e Olavo Costa. Um giro atordoante pela cabeça e pelos sonhos de um dos maiores escritores e quadrinistas brasileiros da atualidade, em companhia de um time de cosmonautas de primeira viagem que luta para fincar sua bandeira no espaço árido e rarefeito da HQ nacional.

E aí, o que você achou dessas HQs independentes? Conhece mais alguma que deveria estar na lista? Então é só deixar seu comentário que teremos prazer em adicionar!

http://www.deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2016/08/hq-cortabundas-o-maniaco-do-jose-walter.jpghttp://www.deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2016/08/hq-cortabundas-o-maniaco-do-jose-walter-150x150.jpgLeonardo Pereira CruzLivros e Quadrinhos
Com os financiamentos coletivos e as pequenas editoras, o mercado de quadrinhos brasileiros independentes vem crescendo a passos largos. Sempre tentei apoiar o quadrinho nacional, mas sendo sincero só comecei a ler mais coisas nacionais quando conheci o Social Comics, também conhecido como o Netflix dos quadrinhos. Pensando em...