, Coco Chanel

Com estilo e elegância, Gabrielle “Coco” Chanel revolucionou a década de 20, libertando a mulher dos trajes desconfortáveis e rígidos do final do século 19. Um verdadeiro mito, Chanel reproduziu sua própria imagem, a mulher do século 20, independente, bem-sucedida, com personalidade e estilo.

Gabrielle Bonheur Chanel nasceu numa família pobre. Sua mãe morreu quando ela tinha seis anos, deixando-a com mais quatro irmãos aos cuidados do pai. No período entre 1905 e 1908 adotou o nome de Coco, durante uma breve carreira de cantora de café-concerto.

Envolvendo-se primeiro com um rico militar e depois com um industrial inglês, Coco Chanel conseguiu recursos para abrir uma pequena chapelaria, em 1910. Abriu mais duas filiais, em Biarritz e em Deauville. Seus dois protetores também a ajudaram a conseguir clientes, homens e mulheres, que passaram a freqüentar sua loja. Suas criações logo caíram no gosto do público e seus negócios se expandiram para o ramo da moda.

Nos anos 1920, Chanel já era uma designer influente. Começou a desenhar roupas confortáveis, com tecidos fluidos, peças emprestadas do guarda-roupa masculino e saias mais curtas, em contraste com a silhueta feminina rígida da época. Em 1922 criou o famoso perfume Chanel n° 5, que alavancou seus negócios e se tornou legendário.

Durante a Segunda Guerra Mundial Chanel chegou a trabalhar como enfermeira, uma vez que os negócios de moda estavam em baixa. Nesta época envolveu-se com um oficial nazista, o que lhe custou o exílio. Em 1954 voltou a Paris e retomou seus negócios na alta costura.

Sua carreira teve um renascimento nos anos 1950. O cárdigã, o vestido preto, as pérolas tornaram-se marca registrada do estilo Chanel. A marca Chanel acabou tornando-se um grande império, que inclui bolsas, sapatos, jóias, acessórios e perfumes. No ano de sua morte, aos 87 anos, Coco Chanel ainda trabalhava ativamente, desenhando uma nova coleção.

Para qualquer pessoa que se interessar pela vida de Coco Chanel existem dezenas de livros, filmes, musicais e até séries de Tv, mas recomendaria o filme “Coco Antes de Chanel (Coco avant Chanel)” da diretora Anne Fontaine que foca a vida de Coco antes do apogeu de sua carreira e o livro “Chanel – Seu Estilo e sua vida” de Janet Wallach.

Curiosidades:

  • Seu Famoso prefume Chanel nº 5 é o mais vendido do mundo. Ele foi lançado em 1922. Nunca houve os números 1,2,3 e 4: o número 5 era o número da sorte de Chanel, por isso a escolha. Tanto que ele foi apresentado no dia 5 de maio de 1921.

  • Foi Marylin Monroe que tornou o perfume um sucesso. Ao ser entrevistada, perguntaram o que vestia para dormir. Marilyn respondeu:”Apenas algumas gostas de Chanel nº5″.

  • O Apelido de Chanel, “Coco”, significa “queridinha”. Ela passou a ser chamada assim quando era cantora de cafés, entre os anos de 1905 e 1908. A palavra era o refrão de uma das músicas que Chanel cantava.

  • Aos 87 anos, em 10 de janeiro de 1971, Chanel morreu de ataque do coração em sua suíte no Ritz em Paris.
Leo CruzModaCuriosidades
Com estilo e elegância, Gabrielle 'Coco' Chanel revolucionou a década de 20, libertando a mulher dos trajes desconfortáveis e rígidos do final do século 19. Um verdadeiro mito, Chanel reproduziu sua própria imagem, a mulher do século 20, independente, bem-sucedida, com personalidade e estilo. Gabrielle Bonheur Chanel nasceu numa...