, Raphão Alaafin – Impulsivos e Sonhadores (Desculpas)

Dizem que o país só começa a funcionar depois do carnaval, particularmente não acredito nessa sentença, ainda mais quando falamos de rap nacional. Após dois meses incompletos, já recebemos uma considerável amostra do que será a sequência do ano lírico. Destacamos aqui nossa percepção e hoje, mais cedo, apresentamos o som novo da Ju Sofer.

E para corroborar essa impressão, seguimos divulgando o que aparece de melhor diariamente em nosso radar.

Veja a seguir o novo single de Raphão Alaafin e diga se não é realmente um ano especial para se estar vivo:


Raphão Alaafin é daqueles MC’s que estão na lista dos favoritos do teu favorito. Versátil e afiado na lírica, é poucas ideias pros guardinhas e medianos que não entendem sua facilidade em mesclar batidas e estilos dentro de um som. ‘Eu Gosto’ (2015), seu segundo trabalho, é recheado de músicas que podem tocar tanto em festas quanto servir de base para formação de conceitos acerca de nosso cotidiano.

É talento, trabalho e voz forte pra ser ouvida sempre que disponível. Se liga na resenha que Paulo Victor Ribeiro e Yuri Ferreira Nogueira fizeram para “Impulsivos e Sonhadores (Desculpas)”.

Ouvir vozes diferentes é um negócio muito importante. Prestar atenção no que está ao seu redor engrandece sua narrativa, te dá potência. É necessário ouvir – e viver – o mundo quando você quer falar sobre ele. Isso é Rap e dá pra entender o que temos em mãos. Com Impulsivos e Sonhadores, primeiro lançamento de 2018, Raphão chega bem livre e faz até o Guina pedir calma, o papo é simples e direto: não queremos suas desculpas. Em uma pegada freestyle, Raphão tira da estrutura o refrão, mas mantém a repetição com o choro da galera: “desculpa, desculpa, desculpa”. Primeiro lançamento de 2018, o Impulsivos e Sonhadores (ou Desculpas, se preferir) é – com o perdão do carnaval – o abre-alas de um ano que, segundo Raphão, vai ser intenso e interessante.

https://www.deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/06/Raphão-Alaafin.jpghttps://www.deveserisso.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/06/Raphão-Alaafin-150x150.jpgIkie ArjonaMusica
Dizem que o país só começa a funcionar depois do carnaval, particularmente não acredito nessa sentença, ainda mais quando falamos de rap nacional. Após dois meses incompletos, já recebemos uma considerável amostra do que será a sequência do ano lírico. Destacamos aqui nossa percepção e hoje, mais cedo, apresentamos...